Experiências, um pouco dos costumes e a vida de expatriado em Doha/Catar – Oriente Médio. (Parte 1)

 

doha-qatar-skyscrapers-dhow

               26 anos de idade. Era uma noite de setembro de 2011 quando eu chegava em Doha pela Qatar Airways, fui em um vôo direto saindo de São Paulo, foram 14 horas initerrupitas.  Na minha cabeça passava um milhão de coisas… Afinal de contas era apenas uma vida nova, do outro lado do mundo… Quando eu digo uma vida nova, é porque realmente era tudo novo. Eu tinha acabado de casar, ia viver numa nova casa, fazer novos amigos, teria que aprender um novo idioma, tentar encontrar um novo trabalho, estar num lugar onde a religião predominante era outra, estar sem a família perto( o pior) , dentre milhares de coisas diferentes que não caberiam aqui.

                No meu coração, apesar de tanta incerteza, eu sentia algo muito bom, se realmente existe intuição eu tinha ela forte dentro de mim e ela dizia que tudo iria ficar muito bem…sempre.  No fundo eu sempre quiz viver algo bem novo assim, mas nem em sonhos imaginaria que seria tão inusitado e tão longe. A missão foi dada, o coração pediu, eu estava preparada, e  ganhei tanto, mas tanto…em evolução…que hoje sempre que posso encorajo as pessoas a fazerem intercâmbio e arriscar-se sim. Nesse mundo tão globalizado e conectado a gente tem muito o que compartilhar, contribuir, receber,doar e aprender.

           Resumindo rapidinho o que é o Catar para que a maioria possa entender. O Catar é  um país do Oriente Médio banhado pelo Golfo pérsico, da metade do tamanho do estado de Sergipe, o idioma oficial é o árabe mas a grande maioria da população fala inglês. Sua população de estrangeiros não-árabes constituem a grande maioria da população de Qatar; os indianos são a maior comunidade, em número de 545.000 em 2013, seguido por 341.000 nepaleses, 185.000 filipinos, 137.000 bengalis, 100.000 cingaleses e 90.000 paquistaneses entre muitas outras nacionalidades.

A religião predominante é o islamismo. Possui o maior PIB do mundo graças à abundância em recursos naturais como o gás natural e o petróleo. Mas sua primeira fonte de renda  foi o mercado de pérolas.

Abaixo segue um trecho importante da wikipedia sobre a história tão recente do Catar:

“Em 3 de setembro de 1971, o Catar conquistou oficialmente a sua independência do Reino Unido e se tornou um Estado soberano.[31] O governo então decidiu voltar ao realizar o abastecimento de armas para os franceses; essa ligação seria reforçada ao longo do tempo e os franceses se tornariam seu maior fornecedor no novo milênio.[32] Em 1972, o califa bin Hamad al-Thani tomou o poder em um golpe palaciano durante um período de discórdia na família governante. Em 1974, a Qatar Geral Petroleum Corporation assumiu o controle de todas as operações de petróleo no país e o Catar rapidamente cresceu em riqueza.[33] O depósito de gás natural do Campo Norte, então a maior do mundo, foi descoberto por volta de 1976[32] e o país foi um dos primeiros a ter embarcações de gás natural liquefeito.[34]

Em 1991, o Catar desempenhou um papel significativo na Guerra do Golfo, particularmente durante a batalha de Khafji na qual os tanques do país prestaram apoio para unidades da Guarda Nacional da Arábia Saudita, que estava enfrentando o exército iraquiano. O Catar permitiu tropas do Canadá, que eram parte da coalizão internacional, usassem o país como uma base aérea e também permitiu que forças aéreas dos Estados Unidos e da França operassem em seus territórios.[17] “

           O clima é seco e árido na maior parte do ano. De Maio a Setembro – (verão),  o pico de suas temperaturas pode chegar a 50 graus em um desses meses mas vai variar no geral entre 30 e 45 graus Celsius . A melhor época para estar no Qatar sem dúvidas é de Novembro a Fevereiro onde o mínimo pode chegar a 12 graus durante a noite e 19 graus durante o dia.

        O país foi levantado rapidamente graças, principalmente,  à mão de obra barata indiana.   Tudo o que foi construído, assim como em Dubai, carrega traços elegantes de arquitetura e design árabe. E um dos lugares mais incríveis se chama The Pearl , que éuma espécie de Marina construída encima de uma ilha artificial com dezenas de restaurantes, alguns shoppings, lojas, cinema, apartamentos para alugar e vender, hotéis, parque verde,  dentre outros. Segue algumas fotos:

 

Dentro do complexo na parte do shopping.

IMG_20160614_125800

 

     Um fato que todo mundo pergunta muito é sobre vestimenta. Não é permitido usar publicamente roupas curtas mostrando grande parte das pernas, também não é legal andar com decotes e mostrar os ombros. Daí todo mundo questiona: E o calor? Bom…posso dizer que sinto menos calor no Qatar que em Fortaleza, por exemplo, pois lá tudo é estruturado com ar condicionados espalhados por todos os lados em ambientes quase sempre fechados.

       Para ir as praias privadas  (de hotéis , resorts ou clubes) podemos usar trajes de banho normais, shorts e roupas convencionais). Para sair a noite também há lugares onde uma vestimenta convencional é permitido, quase sempre os lugares são dentro de hotéis, onde também é permitido o consumo de bebida alcoólica.

        Apesar de  ser um deserto, quase como um passe de mágica o país ganhou seus parques, flores, marinas, lagos artificiais, super shoppings, estradas incríveis, hotéis, resorts e um aeroporto invejável. Lá  a água do mar passa pelo processo de dessalinização e assim abastecem toda a população, o abastecimento da energia elétrica é com o gás natural, eles também importam a grande maioria de seus alimentos e de sua mão de obra…

          O Qatar tem praias lindas, com mar calmo já que o Golfo é abrigado. Durante o verão suas águas são morninhas e a cor do mar é sempre única. Um dos esportes mais bacanas de fazer por lá é i stand up paddle.

20160528_102148FB_IMG_1467178671786

         A sua orla principal se chama Corniche, obviamente fica em um dos bairros mais caros para viver. Nessa região a arquitetura é moderníssima e arrojada, Durante a noite seus prédios ficam iluminados compondo um visual espetacular.

qatar-the-pearl
West Bay a noite

       O meu lugar favorito é onde tudo começou por lá, o mercado típico, Souk Waqif , tem um espaço enorme rústico e sofisticado (ao mesmo tempo) a céu aberto com dezenas de restaurantes de culinária oriental, alguns hotéis, lojas, stands típicos com vendas de artesanato, especiarias, comidinhas, artigos de decoração, tapetes, pashiminas, jóias, pérolas e etc… De vez em quando acontecem eventos super interessantes por lá. É o lugar onde se pode observar bem a cultura local e costumes orientais e ao mesmo tempo se sentir muito confortável com aquilo tudo, interagindo, negociando e experimentando.

Perder-se por essas ruazinhas do Souk é uma experiência incrível… Os aromas, sabores e cores desse lugar são inesquecíveis.

O Museu de Arte Islâmica(fotos abaixo) construido sob o mar, com seu parque anexado é também um lugar que foi incrivelmente projetado e executado.

 

        O maior parque urbano de Doha se chama Aspire Park com direito a lago, patinhos e tudo o mais, esta construído nele um super hotel e uma zona de prática esportes olímpicos. Anexado a ele também esta o shopping Villagio que tem uma espécie de Veneza dentro dele, com suas gôndolas e arquitetura.

 

Mais Fotos de algumas coisas lindas e curiosas desse lado de lá do Oriente!

994577_10201970770178339_1010584931_n
Um fim de tarde na Corniche
531808_4956817965740_205681852_n
Uma homenagem a pérola… merecida! Eles usufruíram e usufruem da atividade do mercado de pérolas até hoje. O monumento encontra-se na orla principal da Corniche.
1383042_10206100596221409_3474523784243087749_n
Marsa Malaz Hotel 6 estrelas – lindo de viver.
11205507_10206085523404598_4873713523393892815_n
Marsa Malaz Hotel

    Haverão outros posts sobre o Catar, ainda falta falar sobre como é a cultura local, a interação, o mercado de trabalho,  a comunidade brasileira, a gastronomia, as experiências de trabalho, como é o sistema publico de saúde, como é gerar e ter um filho lá, a vida para as crianças, a educação, o trânsito e as atrações naturais (esculturas do deserto, praias, manguezais e etc). Aguardem 🙂

Um viva a diversidade, a tolerância, ao amor entre as pessoas independente de qualquer circunstância!

Massalama! Até logo!

Tens uma parada com a Qatar Airways em Doha?

Queres conhecer mais sobre a cidade que sediara a copa em 2022…

Quer um tour Qatar + Sudoeste Asiático?

Quer ideias de roteiros pela Asia, quer saber como economizar no aéreo em viagens para o outro lado do mundo?

Contacte-nos:

Reservas / Consultoria/ grupos ou maiores informações:   takeabreakeviaje@hotmail.com

 

4 Replies to “Experiências, um pouco dos costumes e a vida de expatriado em Doha/Catar – Oriente Médio. (Parte 1)”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: